Riscos Da Musculação Na Adolescência

Entender os Riscos Da Musculação Na Adolescência é um cuidado importante. E ele deve ser levado em consideração por jovens que desejam praticar essa modalidade nessa fase da vida. Nesse período, o corpo está passando por uma grande mudança. Principalmente por conta das questões hormonais.

Logo, os exercícios que fazem parte dessa modalidade esportiva podem desencadear tanto resultados positivos, como uma série de consequências negativas. Além disso, é preciso ter em mente que a falta de acompanhamento profissional pode prejudicar o jovem até a vida adulta, por conta do excesso de hormônios e estímulos.

Por isso nesse post vamos mostrar alguns dos Riscos Da Musculação Na Adolescência. Confira!

Quais São Os Riscos Da Musculação Na Adolescência?

Os riscos da musculação na adolescência são os mais variados. Principalmente quando essa modalidade é feita sem acompanhamento profissional. Ou de maneira exagerada/descontrolada.

Riscos Da Musculação Na Adolescência

O corpo do jovem nessa fase está passando por um verdadeiro turbilhão de mudanças. Ele já está crescendo por si só. E estimular ainda mais os músculos podem provocar sérias consequências.

Além disso, é preciso ter em mente que a brusca desenfreada por um padrão que não pode ser alcançado nessa idade pode gerar resultado negativos tanto fisicamente quanto mentalmente. Muitos jovens acabam desenvolvendo sérios distúrbios por conta do excesso da modalidade.

Entre os principais riscos da musculação na adolescência estão:

Risco De Lesões

Uma das principais consequências da musculação nessa fase, principalmente se realizada sem a supervisão de um profissional, são as lesões. É muito comum que o adolescente tente executar movimentos para os quais não está preparado, ou até mesmo aumente a quantidade de peso, séries ou repetições.

E tudo isso aumenta as chances de lesões sérias das quais as consequências podem acompanhar o jovem pelo resto da dúvida.

Prejudicar O Crescimento Natural Do Corpo

Durante a adolescência a produção de hormônio do crescimento aumenta. É nessa fase que o corpo se desenvolve e assim o jovem cresce até atingir a altura padrão.

Contudo, um dos riscos da musculação na adolescência é justamente prejudicar esse crescimento natural. Se o jovem exagera na quantidade de exercícios ou realiza eles de maneira incorreta, pode acabar gerando o estresse ao esqueleto.

Consequentemente, o crescimento acaba sendo diretamente afetado.  Inclusive, vários estudos já demonstraram cientificamente que os exercícios físicos praticados de forma exagerada na juventude impedem que a pessoa cresça de forma adequada.

Consumo Excessivo De Substâncias Ilegais Ou Não Indicadas Para Idade

Mais um dos riscos da musculação na adolescência é que o jovem acabe consumindo substâncias ilegais ou não indicadas para a idade para conseguir alcançar os resultados desejados. E isso pode gerar uma série de resultados negativos, desde distúrbios hormonais até vícios.

É importante ter em mente que a grande maioria dos suplementos legalizados são indicados apenas para maiores de 18 anos de idade, e sempre sob orientação de um profissional. Isso porque, eles possuem uma alta concentração de hormônios que se combinados com os já produzidos pelo corpo do jovem, podem desencadear resultados graves.

Isso sem contar as substâncias ilegais que podem ser obtidas com facilidade pela internet. Além de não terem qualquer tipo de certificação de qualidade, elas ainda podem desencadear a dependência.

Entre os resultados mais comuns do consumo de substâncias na adolescência estão:

  • Crescimento das mamas;
  • Excesso de pelos faciais;
  • Alterações na voz;
  •  Distúrbios alimentares;
  • Dependência.

Obsessão Por Um Padrão Que Não Pode Ser Alcançado

A obsessão por padrões elevados que não podem ser alcançados é algo que afeta os adultos de forma recorrente. E nos adolescentes isso acaba se tornando ainda pior.

Riscos Da Musculação Na Adolescência

Isso porque na adolescência é uma fase onde a autoaceitação ainda é muito difícil de ser obtida. Isso porque, os jovens tendem a buscar formas de se enturmarem e serem aceitos pelos outros para se sentirem bem consigo mesmo.

E com a Era Digital, eles são diretamente bombardeados por referências que não são adequadas para sua idade. E muitos seque saber que existem diferentes biotipos e metabolismos, e que cada corpo tem um certo limite.

Com isso, eles tentam alcançar um padrão impossível.  E para isso, acabam abusando tanto de exercícios como de dietas agressivas e até mesmo substâncias ilícitas.

Tudo isso, além de gerar consequências físicas, desencadeia problemas emocionais e de autoestima. Esse provavelmente é um dos maiores riscos da musculação na adolescência, pois a obsessão ultrapassa todos os limites, colocando o jovem em risco constante por conta de padrões estéticos.

É Possível Praticar Musculação Na Adolescência?

Mesmo existindo alguns ricos de praticar musculação na adolescência, é possível treinar com essa modalidade sem gerar resultados negativos. A primeira coisa é procurar um profissional especializado em condicionamento físico de jovens.

Ele irá levar em conta todas as questões da fase, como mudanças hormonais e corporais. Além disso, o especialista também irá considerar fatores como a rotina do jovem, de modo a não sobrecarregá-lo.

Mas além disso, é importante que você tome alguns cuidados básicos, como não ultrapassar 60 minutos consecutivos de musculação. É importante também seguir a risca todas as orientações do seu treinador.

Tenha em mente que ele irá elaborar o seu cronograma com todo o cuidado. Logo, fazer qualquer coisa a mais pode prejudicar o seu corpo.

É preciso respeitar sua fase de crescimento. Tenha em mente que o seu próprio corpo por si só já está se desenvolvendo.

E um dos maiores cuidados em relação a praticar musculação na adolescência é a ingestão de substâncias, principalmente as ilegais, para obter resultados. Jamais consuma qualquer tipo de produto do gênero.

Os resultados da musculação aparecem com o tempo, e você precisa levar em consideração a sua fase. Além disso, ingerir substância do gênero pode gerar uma série de distúrbios hormonais que irão prejudicar o seu corpo, gerando desde o aumento das mamas nos meninos, e o excesso de pelos corporais nas meninas.

Conclusão

Agora que você já sabe quais são os riscos da musculação na adolescência, bem como a maneira correta de praticar a modalidade nessa fase de desenvolvimento, não deixe de procurar um profissional em condicionamento físico, bem como um nutricionista. Assim, você poderá montar um cronograma de exercícios e alimentação.

 

 

 

 

 

 

Fernando Sardinha
Escrito por Fernando Sardinha