biomecânica dos membros superiores

Quem pratica musculação sabe que é importante fazer os exercícios da forma correta, para evitar ao máximo a ocorrência de lesões. No post de hoje, você vai aprender um pouco sobre a biomecânica dos membros superiores e a importância de conhecer bem essa área.

Confira!

O Que É A Biomecânica Dos Membros Superiores?

A biomecânica é uma área que está relacionada à ação física do corpo humano. Ela procura explicar o movimento em todos os seus detalhes. E também se preocupa com a interação entre os músculos, já que quando nos movimentamos usamos diferentes grupos musculares de uma única vez.

 

biomecânica-dos-membros-superiores

Ao conhecer a biomecânica dos membros superiores, você consegue executar os movimentos utilizando as técnicas corretas para não sofrer lesões durante os treinos. Além disso, reter esse tipo de conhecimento também vai auxiliar na escolha dos exercícios, focando no que o músculo precisa para se desenvolver de maneira progressiva e saudável.

Mas então, quais são os movimentos que os membros superiores podem executar? É exatamente o que mostraremos a seguir!

Principais Movimentos Dos Membros Superiores

Dentre os movimentos que os membros superiores podem realizar, estão: 

Flexão E Extensão

Esses movimentos ocorrem em um plano sagital, dividindo o corpo em direito e esquerdo. A flexão indica dois segmentos que se aproximam, por exemplo, a flexão do cotovelo que acontece com a flexão do antebraço. A extensão é o contrário, pois ela acontece quando dois segmentos se movem de forma contrária, ou seja, se afastando um do outro.

Abdução E Adução

A abdução e adução ocorrem em um plano frontal, dividindo o corpo em parte da frente e parte de trás. Abdução é a posição ou movimento do segmento que o faz se afastar da linha mediana. Exemplo: elevação lateral do braço. A adução é o movimento ou posição que faz o segmento se aproximar do corpo.

Rotações Interna E Externa

Esses movimentos ocorrem em um plano transversal, dividindo o corpo em parte superior e inferior. A interna, também conhecida como rotação para dentro, acontece em direção à superfície anterior do corpo. A externa, ou rotação para fora, acontece em direção à superfície posterior.

É importante ressaltar que existem forças tanto internas quanto externas atuando nos movimentos do nosso corpo. A internas são fruto das estruturas biológicas como forças musculares, nos tendões, ossos e cartilagem articular. São relacionadas com a execução dos movimentos.

Essas forças internas implicam no aperfeiçoamento do movimento, principalmente nos esportes e nos exercícios como musculação. Por isso, a biomecânica utiliza três abordagens para as formas de movimento: cinemetria, dinamometria, antropometria e eletromiografia.

Existem duas formas de determinar as forças internas: direta e indireta. A direta é difícil de ser utilizada pois necessita a colocação de transdutores no corpo, então utiliza-se a forma indireta, onde os modelos mecânicos do corpo e medidas sincronizadas das sobrecargas entram em cena.

A biomecânica dos membros superiores pode influenciar de várias formas na realização de exercícios, seja ajudando um movimento a ser feito da forma correta, fazendo pequenos ajustes, e também prevenindo movimentos muito errôneos que podem levar ao cumprimento incorreto de um exercício e lesões sérias.

O Que Pode Acontecer Quando Não Conhece A Biomecânica?

Quando você negligencia a biomecânica, não consegue visualizar o que há por trás de cada movimento, nem como executá-lo para obter resultados rápidos e melhores.

Além disso, a falta de conhecimento sobre a biomecânica dos membros superiores pode levar á execução inadequada do movimento.

São muitos os atletas que não se atentam para isso, porém, é algo importante a se fazer para evitar problemas graves que podem comprometer não só o rendimento, mas principalmente a saúde como um todo.

Particularidades Da Biomecânica Dos Membros Superiores

A biomecânica dos membros superiores pode auxiliar em necessidades específicas do corpo. Ás vezes, um posicionamento diferente em um determinado exercício, se não for prejudicial e atender às necessidades do corpo, pode ajudar o atleta a fazer o treino de forma eficaz e que não atrapalha os resultados.

biomecânica-dos-membros-superiores

Essas necessidades específicas, no entanto, devem ser conversadas com o professor ou treinador, para que não se confunda a particularidade da biomecânica dos membros superiores com fazer o exercício de qualquer jeito, ou do jeito que acharmos mais apropriado.

Vantagens De Usar A Biomecânica De Forma Correta

A biomecânica, quando usada da forma correta, ajuda a prevenir diferentes tipos de lesão, e também:

  • Melhorar o trabalho isolado de um músculo ou um movimento;
  • Auxilia no aumento de intensidade de um treino;
  • Dá mais precisão aos exercícios;
  • Gera uma sensação maior de segurança ao atleta que está fazendo a atividade;
  • Trabalha as necessidades individuais de cada pessoa.

Trabalhar a biomecânica é importante não só para a musculação, mas também para vários outros esportes e atividades físicas.

A partir do momento que um atleta usa a biomecânica como aliada nos seus treinos, ele começa a observar determinadas particularidades nos seus movimentos, e passa a usá-las para otimizar seus resultados.

Sendo assim, quando bem aplicada, a biomecânica ajuda o atleta a superar limites e a exercitar-se com mais intensidade, respeitando as suas particularidades, de forma segura e observando até onde ele consegue ir. A individualidade de cada corpo e organismo não deve jamais ser esquecida.

Muitos pensam que é só chegar na academia, fazer o exercício e pronto. Porém, com os conhecimentos que a biomecânica proporciona, será possível dar uma nova visão a esse cenário, expandindo a forma de ver os treinamentos e fazendo o atleta entender que cada movimento tem uma razão para ser feito. E, quando executado corretamente, pode ajudar ainda mais na construção muscular.

Agora que você já sabe a importância da biomecânica para os membros superiores e de uma forma geral, que tal estudá-la um pouco mais e aplicá-la? Seja você aluno, atleta ou treinador, não esqueça da importância dela para o exercício físico.

Curtiu o post? Aproveite para conferi também o artigo sobre Os Esportes Para Definir o Corpo Além da Academia.

 

 

 

 

29

Fernando Sardinha
Escrito por Fernando Sardinha