suplementos de academia

Populares entre atletas e praticantes amadores de atividade física, os suplementos de academia podem ser encontrados facilmente no mercado em vários formatos (pó, cápsula, líquido ou barra) e possuem funções diversas, que vão desde o auxílio para emagrecimento até o ganho de massa muscular.

Justamente por possuírem uma variedade tão grande de utilização, muitos usuários se sentem confusos na hora de escolher algum produto ou têm medo de optar por uma determinada fórmula que não é adequada para seu tipo físico ou alcance dos objetivos desejados.

Neste post, você vai entender melhor como os suplementos de academia funcionam ao tirar várias dúvidas sobre o assunto. Acompanhe!

Por que ingerir suplementos?

Os motivos para dar início à ingestão de suplementos alimentares são inúmeros. Pode ser para melhorar a falta de apetite, retardar efeitos do envelhecimento, enriquecer a dieta, estimular o organismo para maior queima de gordura, melhorar o rendimento dos treinos e muito mais. Tudo isso vai depender do tipo de suplemento e perfil do consumidor.

Apesar de tantos tipos e fórmulas diferentes, todos os suplementos possuem uma função em comum: fornecer nutrientes específicos que são primordiais para um bom funcionamento do organismo.

Qual é a importância dos nutrientes?

Você já sabe que qualquer pessoa precisa de uma alimentação balanceada para ser saudável, certo? Isso porque o nosso organismo só consegue produzir a maior parte das substâncias de que precisa usando os valores nutricionais dos alimentos como matéria-prima e fonte de energia.

O elemento mais procurado na composição da maior parte dos suplementos de academia é, sem dúvida, a proteína. Isso porque esse nutriente é capaz de facilitar a regeneração muscular, que ocorre após cada treino.

Ao realizar exercícios, acontece uma microruptura das fibras que compõem o tecido muscular. É justamente o processo de reconstrução que resultará no ganho de massa muscular, aumentando o tamanho de algumas áreas do corpo como braços e pernas.

Quem possui uma dieta balanceada pode dispensar os suplementos?

A resposta pode ser, ao mesmo tempo, “sim” e “não”. Tendo em vista que os nutrientes encontrados nos alimentos não são nem melhores, nem piores que os que compõem as fórmulas dos suplementos de academia, seria lógico afirmar que a pessoa que já consome esses nutrientes na quantidade certa não precisa de nenhuma complementação.

No entanto, é importante se atentar para um detalhe: consumir a quantidade necessária de nutrientes apenas com a dieta é uma tarefa muito difícil. Devido aos atuais métodos de produção de alimentos naturais e industrializados, a maior parte do que se encontra na nossa mesa, hoje em dia, possui seu teor nutricional reduzido ou precário.

Além disso, quem pratica atividades físicas tem maiores exigências nutricionais, e isso pode desequilibrar a sua demanda energética facilmente. O ideal é fazer um acompanhamento com um médico ou nutricionista para se certificar de que os suplementos são realmente necessários ou não.

Quais são os tipos de suplementos disponíveis no mercado?

Geralmente, os suplementos são divididos em seis categorias: hipercalóricos, hiperproteicos, vitaminas e minerais, oligoelementos e pré-treino.

Eles podem ser compostos por um grande número de sais minerais e/ou vitaminas, ou conter apenas uma ou poucas substâncias específicas para suprir algum tipo de necessidade especial, como é o caso da Spirulina e Creatina (indicados apenas para quem faz atividades físicas).

Antes de avaliar a possibilidade de utilizar qualquer um deles, é importante consultar seu personal e um médico especialista para rever sua dieta e seu treino.

Qual é a função dos suplementos pré-treino?

Os suplementos pré-treino geralmente atuam com o objetivo de aumentar o gasto calórico ao fornecer mais resistência e energia. Tudo isso para otimizar os resultados e o rendimento do treino.

A maioria desses produtos são considerados estimulantes, contando com componentes como a taurina, creatina e cafeína para que o treino seja mais longo e intenso. No entanto, alguns atletas que não desejam esse efeito podem contar com outros tipos de suplementos, sem ativos potencializadores de energia.

Suplementos de academia podem engordar?  

Sim. Se o suplemento é ingerido de forma desregrada, a pessoa pode consumir proteína a mais, que o organismo não conseguirá estocar. Dessa forma, o excesso do nutriente acaba se transformando em gordura.

É claro que isso não significa que todos que fazem uso da proteína estão sujeitos ao ganho de gordura. Com um acompanhamento especializado, as chances disso acontecer são praticamente inexistentes.

Qualquer suplemento promove aumento de massa magra?

Não. Você já sabe que existem suplementos específicos para cada tipo de objetivo e perfil. Por isso, essa afirmação não pode se aplicar a todas as fórmulas disponíveis no mercado.

Além disso, é importante lembrar que a musculatura não pode se desenvolver sem um estímulo físico, e esse estímulo vem do treino. O suplemento é simplesmente um substrato necessário para a hipertrofia dos músculos, que precisam estar em atividade para crescer e ganhar forma.

Como aliar treino e alimentação?

O ideal é se alimentar cerca de 60 minutos antes do treino com um lanche moderado. Caso você esteja com muita fome ou tenha passado muito tempo sem comer, é preciso fazer uma refeição maior até 90 minutos antes dos exercícios. Você pode adicionar o shake ou suplemento do tipo pré-treino (caso você consuma esse tipo de produto) a essa refeição.

Até 30 minutos depois do término do treino, é recomendada a ingestão de carboidratos e proteínas para repor os nutrientes do corpo, além de acelerar a proteção e regeneração dos seus músculos.

Não se esqueça que as proteínas não devem estar presentes apenas na sua suplementação, mas sim em todo o cardápio do dia, que também pode incluir frutas e legumes (cerca de 400 g diárias) para uma alimentação balanceada e saudável.

Alie o suplemento vitamínico Trembodrol, com seus treinos para aumentar seu ganho de massa muscular. 

Falamos neste post sobre várias funções dos suplementos de academia para os praticantes de atividade física, mas vale lembrar que muitos deles podem ser — e são — utilizados no dia a dia, seja por atletas ou mesmo aquela pessoa que não tem tempo para se alimentar corretamente — mas isso será assunto para um próximo artigo!

Gostou do post? Então aproveite para compartilhar essas informações nas suas redes sociais para que seus amigos e parentes também saibam tudo sobre suplementos de academia!

 

suplementos-de-academia

Fernando Sardinha
Escrito por Fernando Sardinha